ARBITRAGEM NO AGRONEGÓCIO

Luciana Oranges CEZARINO, Adhemar RONQUIM FILHO, Geraldo José Ferraresi de ARAÚJO

Resumo


Em linhas rápidas mencionará sobre o agronegócio e sua relevância para a economia brasileira. Por ser estratégico e envolver complexas questões, demanda, no caso de litígio, de soluções céleres e técnicas ao mesmo tempo, para uma justiça adequada, e, neste diapasão, a flexibilidade do Processo Arbitral, tão difundido em outros países, pode ser o adequado meio para equacionar os gargalos que o Judiciário pode trazer para contendas especializadas advindas dos Contratos do setor. Em função da aridez ainda existente na produção científica no setor e em casos práticos, abordar-se-á casuísticas que vêm a contribuir com uma maior cristalização do instituto.


Palavras-chave


Arbitragem; Agronegócio; Contratos.

Texto completo:

PDF

Referências


BARROS, R. Arbitragem e Mediação no Agronegócio. 2016. Disponível em: em 03 set 2019

BRASIL. Projeto de Lei 487/2013. Reforma o Código Comercial.Disponível em: . Acesso em:10 set 2019.

CAREGNATO, R. C. A.; MUTTI, R. Pesquisa qualitativa: análise de discurso versus análise de conteúdo. Texto contexto enferm, v. 15, n. 4, p. 679-84, 2006.

CLAUDIO, L.C. 30 Anos do Squeeze Aplicado pela Ferruzzi no Futuro de Soja. 2019. Disponível em: . Acesso em: 03 set 2019.

COELHO, G. Justiça reduziu número de casos pendentes em 2018, diz relatório do CNJ. 2019. Disponível em: . Acesso em: 03 set 2019.

CONFEDERAÇÃO NACIONAL DA AGRICULTURA. Panorama do agro. 2019. Disponível em: .Acesso em: 10 set 2019.

FEITOSA, M. A Arbitragem no Agronegócio. 2015. Disponível em: . Acesso em:03 set 2019.

FIOCRUZ. Commodities: Definição. 2019. Disponível em: . Acesso em: 3 set 2019.

KLAUK JR, E. Arbitragem: segurança e eficiência para o agronegócio. 2018. Disponível em:. Acesso em:03 set 2019.

LACERDA, A. Arbitragem e Agronegócio. 2017. Disponível em: . Acesso em:03 set 2019.

LACERDA, I. Conciliação, mediação e arbitragem no agronegócio. 2018. Disponível em: . Acesso em: 03 set 2019.

LAKATOS, E. M.; MARCONI, M. A. Fundamentos metodologia científica. 4.ed. São Paulo: Atlas, 2001.

NUNES, T. M. Evento sobre Mediação e Arbitragem no Agronegócio. 2018. Disponível em: . Acesso em: 3 set 2019.

OLIVEIRA, G. J. Especificidades do processo arbitral envolvendo a Administração Pública. 2017. Disponível em: . Acesso em: 3 set 2019.

PARRA, R. A. Direito aplicado ao agronegócio: Uma abordagem multidisciplinar. 2° Edição. Londrina. 2019.

REIS, M. H. Arbitragem e Agronegócio. 2015. Disponível em: . Acesso em: 10 set 2019.

ROBBINS, L.O Livro da economia. São Paulo: Globo, 2013.

RONQUIM FILHO, A. Aspectos da construção do novo marco regulatório da mineração brasileira – até agosto de 2012. 1. ed.Saabrucken/Alemanha: OmniscriptumGMBH &Co. DG - NEA (Novas Edições Acadêmicas), 2015. 108p.

SARTO, L. Arbitragem no Agronegócio. 2019. Disponível em:. Acesso em: 10 set 2019.

SCAFF, F. C. As características jurídicas dos contratos agrários típicos. 2017. . Disponível em: . Acessoem: 3 set 2019.

SUGAR ASSOCIATION OF LONDON.Rules and contrating conditions.2019. Disponível em: . Acesso em: 3 set 2019.

TAVEIRA, F. Direito Agrário. 2019. Disponível em: . Acesso em: 10 set 2019.

TRENTINI, F.; KHAYAT, G. F. A indenização de soqueiras de cana-de-açúcar na jurisprudência do TJ-SP.2018.Disponível em: . Acesso em: 3 set 2019.

TIMM, L. B. Arbitragem no Agronegócio. 2015. Disponível em: .Acesso em: 3 set 2019.




DOI: https://doi.org/10.21207/1983.4225.1010

http://www.abecbrasil.org.br

Licença Creative Commons

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-Compartilha Igual 4.0 Internacional.